Run run rudolph

O Porto está definitivamente na moda. E é tão bom ver uma cidade reconciliada com o seu centro histórico. Num fim-de-tarde destes dias, fomos todos dar um longo passeio 'à baixa'. As ruas cheias de gente, mercados e mercadinhos em cada canto e esquina, pistas de gelo, um comércio vibrante.

 

 Em plena Avenida dos Aliados está instalada uma árvore de Natal muito original. A cada passo, há concertos, espectáculos  djying, debaixo deste pinheiro improvisado. O MM, dançarino nato, adorou a festa. No seu estilo pai-natal-a-pilhas, fartou-se de dançar ao som de clássicos do rock e do twist. O mais-novo acabou por criar uma rodinha de fãs à sua volta que se riam, dançavam com ele e tiravam fotografias.  Eu nunca achei piada àqueles bebés que chamam a si toda a atenção de uma festa por causa da sua dança trôpega, qual tio-bêbedo-no-final-dos-25-anos-de-casado-do-respectivo-irmão. Mas agora esse bebé pertence-me e é um doce.

 
[fonte: instagram.com/joaompinto]

Etiquetas: ,